terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Aromaterapia

Nosso primeiro contato com a aromaterapia foi quando comprei um óleo essencial de eucalipto da bioessência. Já havia postado sobre ele aqui, isso foi no início de 2012. Comprei para amenizar os sintomas da sinusite da Gá.
Gostei do uso, mas para ususfluir melhor dessa terapia, o ideal é consultar um aromaterapeuta, que é um profissional com conhecimento a respeito de óleos essenciais, óleos vegetais e ervas. Sabe preparar sinergias com objetivo à aplicação direta dos óleos em massagens, banhos, compressas, inalações, curativos e ingestão.
 Ele pode promover um atendimento personalizado, misturando os óleos com propriedades e características únicas, com vista a tratar determinados problemas de saúde a partir de uma anamnese detalhada.
Á partir disso consultei uma profissional e solicitei um tratamento completo: via oral, borrifador de ambientes, óleo de massagem local. Não consegui fazer uso do produto via oral, o cheiro das ervas é forte, Gá não usou... usei o borrifador de ambientes, que tinha um cheiro predominante de gengibre, borifava no quarto antes de dormir, usei por 3 meses, e  desde que comecei o uso, Isabella nunca mais teve uma crise de sinusite. Mesmo não fazendo o tratamento integral, foi ótimo o resultado. Iniciamos em março/2013, e até a presente data, nada de sinusite.
 Como tivemos sucesso nesse tratamento, solicitei um outro, para infecção de urina/cistite. Quero evitar que desencadeie novamente, já que Isabella parece ter predisposição. Chegou o tratamento em dezembro: folhas de lapacho e aroeira, para banho de imersão, composto oral, óleo combinado para massagem local. E iniciamos o tratamento, é por 30 dias. O composto para beber, tivemos dificuldades, são 2x ao dia, e sorte quando consigo dar 1x ao menos... o banho, no primeiro dia chorou do começo ao fim, porque achava que a água colorida pela aroeira era suja... fiz um grande teatro de convencimento para que os próximos banhos fossem mais calmos, e hoje ela diz que é o "banho de princesa" e assim aceita... A massagem, faço depois que adormece, ela acha forte os cheiros e não permite que eu os use.
O tratamento em geral é trabalhoso, crianças não entendem o quão importante é, e por isso é complicado fazê-los tomar. Mas vale muito à pena, evitamos problemas maiores, hospitalizações...

Banho com aroeira e lapacho, estamos fazendo 2x ao dia


Mais informações para quem não conhece a aromaterapia:

Aromaterapia é um ramo da fitoterapia que consiste no uso de tratamento baseado no efeito que os aromas de plantas são capazes de provocar no indivíduo. Esta é a ciência que explora o uso dos oléos das plantas.
De determinadas plantas aromáticas é extraído o óleo essencial a ser aplicado isoladamente ou em combinação com outros aromas, dependendo das enfermidades e do indivíduo.
Óleos essenciais são substâncias voláteis extremamente concentradas, que possuem princípios ativos de acordo com suas composições químicas. Dependendo da planta, o óleo essencial terá características diferenciadas de aroma, cor e densidade. Os óleos essenciais podem ser usados diluídos em veículos carreadores sobre a pele, através de massagens, cremes, loções, gel ou puro, através da inalação. Dependendo da forma de uso provocará efeitos físicos, mentais e emocionais, alterando a respiração, os batimentos cardíacos, pressão arterial, estados de ânimo, concentração, etc.
É considerada uma terapia alternativa ou complementar, embora seja um tratamento bastante antigo, que surgiu da fitoterapia e que é comumente usada em conjunto com esta. É utilizada no tratamento das mais variadas enfermidades e desequilíbrios, sendo considerada uma terapia holística. A Aromaterapia deve, mesmo assim, ser empregada com cautela e de preferência, guiada por um profissional especializado, que saberá verificar as contraindicações, além de dosagens melhores formas de uso.

3 comentários:

  1. Lucas já tomou banho com ervas quando estava muito gripado e ajudou muito.
    Isso é coisas da minha mãe.

    beijos
    www.maeparasempre.com

    ResponderExcluir
  2. Nossa não conhecia. Adorei.
    Super importante, buscar outros tipos de tratamentos, e evitar os remedios. Bjs
    Vivi e isaac

    ResponderExcluir

COMENTE!!! Deixe sua experiência, sua opnião, um "xero" pra nós!